segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Falando sobre o passado (Past Simple) em inglês.

Hi, people!

Como já visto em nossas aulas, o verbo auxiliar “DID” é usado para formar frases interrogativas e negativas em inglês – e, neste caso, ele não é traduzido e o verbo principal continua em sua forma básica.

Em nossa prática trabalhamos com uma pergunta simples utilizando o “did” e um advérbio de tempo definido ( yesterday = ontem) e com respostas utilizando os regular verbs como na ilustração a seguir: 

Confira o vídeo no link (clique AQUI) e preste atenção às perguntas feitas pelo entrevistador e também às respostas das pessoas nas ruas. É um vídeo breve, de pouco mais de 3 minutos, mas certamente você conseguirá identificar muitas respostas e verbos já trabalhados durante as aulas. Tente responder o questionário do lado direito do site e confira o seu desempenho.


“What did you do yesterday?” Que tal deixar a sua resposta (em inglês, claro) nos comentários abaixo? :-)

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Diferenças culturais



Estudar inglês não é apenas aprender a falar, ouvir, escrever e ler neste idioma. De fato, quando estudamos um novo idioma entramos em contato com a diversidade cultural de vários povos – e é importante conhecer o comportamento de algumas culturas para evitar constrangimentos. 

Vamos verificar as diferenças de comportamento entre brasileiros e norte-americanos nesta crônica de Michael Jacobs, professor de inglês e escritor. 

“Não é raro que os brasileiros que viajam para o exterior estranharem a atitude direta das pessoas. Veja neste exemplo como a mesma situação se passaria no Brasil e nos Estados Unidos: 

No Brasil
Pergunta: Você sabe onde fica a rua Brito Peixoto? 
Resposta: Bem, acho que sim... já ouvi falar, mas pergunte àquele sujeito do boteco da esquina, porque ele conhece toda a redondeza. E se ele não souber, com certeza o Chico da banca de jornal pode lhe emprestar o guia de endereços. 

Nos Estados Unidos
Pergunta: Do you know where Oak Street is? 
Resposta: No. 

O norte-americano não está sendo mal educado, ele simplesmente não sabe e não tem mais nada a dizer a respeito.” 

Este comportamento objetivo, como bem citou o autor, não se trata de má educação; os brasileiros têm outro modo de agir, por isso estranham tais modelos – isso é muito comum acontecer em ligações telefônicas também: os norte-americanos geralmente são ainda mais objetivos.  

Confira nos links a seguir alguns relatos e matérias sobre o comportamento de:



Canadenses 




Fonte: “Como não aprender inglês – erros comuns do aluno brasileiro”, de Michael A. Jacobs
Fonte da imagem: internet

terça-feira, 29 de julho de 2014

Aplicativos para auxiliar na aprendizagem de inglês


Crédito da imagem: site

Existem diversos aplicativos para reforçar o aprendizado da língua inglesa e que podem ser baixados gratuitamente* para o seu smartphone ou tablet com sistema Android. Dentre várias opções, indicarei alguns aplicativos bem interessantes para todos os níveis de conhecimento do idioma – do básico ao avançado. (Estes aplicativos estão disponíveis na Google Play store

DUOLINGO – Um dos aplicativos de idiomas mais utilizados e também dos mais divertidos, pois funciona como uma espécie de jogo: o estudante avança de níveis conforme o desempenho nas lições com áudios e imagens. Possui uma interface leve, intuitiva e bastante agradável. 

LINGUALEO – Outro aplicativo que funciona como um game. Os gráficos são bem feitos e o estudante que utilizar este aplicativo terá a ajuda do Leo, um simpático leão que serve como “guia” para as lições e games. Bem divertido e eficiente! 

WLINGUA – Este aplicativo traz 600 lições de inglês desde o nível iniciante até o intermediário e em suas últimas atualizações melhorou os gráficos e a usabilidade. Como é um curso online, requer conexão à internet, mas é uma ótima opção para o aprendizado da língua inglesa.

BUSUU – O aplicativo funciona como uma espécie de “rede social” (como o Facebook, por exemplo) para o aprendizado da língua inglesa. O aplicativo faz sucesso no Brasil: mais de 2 milhões de pessoas já estão na plataforma de aprendizagem, que utiliza exercícios e lições interativas.

Enfim, há vários aplicativos para o aprendizado de idiomas – seja inglês, espanhol, italiano, japonês, etc. Basta baixar em seu smartphone ou tablet e se divertir, porque aprender um novo idioma além de muito divertido traz diversas vantagens

*Muitos aplicativos são gratuitos para baixar e oferecem uma parte do curso de graça ou para teste. A maioria pede apenas um cadastro simples com endereço de e-mail, sem cobrança de mensalidades ou taxas.